Sexta-feira, 10 de Outubro de 2008

O mercado de acções numa outra versão


Estava-se no Outono e, os Indios de uma reserva americana perguntaram ao novo Chefe se o Inverno iria ser muito rigoroso ou se, pelo contrário, poderia ser mais suave. Tratando-se de um Chefe Indio mas da era moderna, ele não conseguia interpretar os sinais que lhe permitissem prever o tempo, no entanto, para não correr muitos riscos, foi dizendo que sim senhor, deveriam estar preparados e cortar a lenha suficiente para aguentar um Inverno frio. Mas como também era um lider prático e preocupado, alguns dias depois teve uma ideia. Dirigiu-se à cabine telefónica pública, ligou para o Serviço Meteorológico Nacional e perguntou: "O próximo Inverno vai ser frio?" -"Parece que na realidade este Inverno vai ser mesmo frio" respondeu o meteorologista de serviço. O Chefe voltou para o seu povo e mandou que cortassem mais lenha. Uma semana mais tarde, voltou a falar para o Serviço Meteorológico: "Vai ser um Inverno muito frio?" "Sim," responderam novamente do outro lado, "O Inverno vai ser mesmo muito frio". Mais uma vez o Chefe voltou para o seu povo e mandou que apanhassem toda a lenha que pudessem sem desperdiçar sequer as pequenas cavacas. Duas semanas mais tarde voltou a falar para o Serviço Meteorológico Nacional: "Vocês têm a certeza que este Inverno vai ser mesmo muito frio?" "Absolutamente" respondeu o homem "Vai ser um dos Invernos mais frios de sempre." "Como podem ter tanto a certeza?" perguntou o Chefe. O meteorologista respondeu "Os Indios estão a aprovisionar lenha que parecem uns doidos." É assim que funciona o mercado de acções.

publicado por Elsita às 12:04
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 6 de Outubro de 2008

FERNANDO PESSOA: "um dia vou construir um castelo..."

A felicidade exige valentia.

"Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes mas, não

esqueço de que minha vida é a maior empresa do mundo, e posso evitar que ela

vá à falência.

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os desafios,

incompreensões e períodos de crise. Ser feliz é deixar de ser vítima dos

problemas e se tornar um autor da própria história.

É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no

recôndito da sua alma.

É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida. Ser feliz é não ter

medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para

ouvir um "não". É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.

Pedras no caminho?

Guardo todas, um dia vou construir um castelo..."

Fernando Pessoa - 70º aniversário da sua morte

publicado por Elsita às 11:15
link do post | comentar | favorito
|

Crise do subprime (BRILHANTE)

Crise do subprime (BRILHANTE)

 

 

Como só os brasileiros conseguem fazer... Aqui vai:

Para quem não entendeu ou não sabe bem o que é ou gerou a crise americana, segue breve relato econômico para leigo entender...
É assim:
O seu Biu tem um bar, na Vila Carrapato, e decide que vai vender cachaça "na caderneta" aos seus leais fregueses, todos bêbados, quase todos desempregados. Porque decide vender a crédito, ele pode aumentar um pouquinho o preço da dose da branquinha (a diferença é o sobre preço que os pinguços pagam pelo crédito).

O gerente do banco do seu Biu, um ousado administrador formado em curso de emibiêi, decide que as cadernetas das dívidas do bar constituem, afinal, um ativo recebível, e começa a adiantar dinheiro ao estabelecimento, tendo o pindura dos pinguços como garantia.

Uns seis zécutivos de bancos, mais adiante, lastreiam os tais recebíveis do banco, e os transformam em CDB, CDO, CCD, UTI, OVNI, SOS ou qualquer outro acrônimo financeiro que ninguém sabe exatamente o que quer dizer.

Esses adicionais instrumentos financeiros, alavancam o mercado de capitais e conduzem a operações estruturadas de derivativos, na BM&F, cujo lastro inicial todo mundo desconhece (as tais cadernetas do seu Biu).

Esses derivativos estão sendo negociados como se fossem títulos sérios, com fortes garantias reais, nos mercados de 73 países.

Até que alguém descobre que os bêbados da Vila Carrapato não têm dinheiro para pagar as contas, e o Bar do seu Biu vai à falência. E toda a cadeia sifudeu !

Viu... é muito simples...!!!

publicado por Elsita às 11:03
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 2 de Outubro de 2008

SUPER ESCOLA PORTUGUESA

 

SUPER ESCOLA PORTUGUESA
MARAVILHOSO! FINALMENTE UMA COISA BEM FEITA!
O melhor disto tudo é que este e-mail foi-me enviado por um querido amigo que não é PROFESSOR!!
 
A SUPERESCOLA ou o retrato da escola portuguesa?
Onde estão as melhores escolas do mundo?
Claro! Está certo! Em... Portugal
Ora vejamos com atenção o exemplo de uma vulgar turma do 7º ano de escolaridade, ou seja, ensino básico.
Ah, é verdade, ensino básico é para toda a gente, melhor dizendo, para os filhos de toda a gente! DISCIPLINAS / ÁREAS CURRICULARES NÃO DISCIPLINARES
1. Língua Portuguesa
2. História
3. Língua Estrangeira I - Inglês
4. Língua Estrangeira II - Francês
5. Matemática
6. Ciências Naturais
7. Físico-Químicas
8. Geografia
9. Educação Física
10. Educação Visual
11. Educação Tecnológica
12. Educação Moral R.C.
13. Estudo Acompanhado
14. Área Projecto
15. Formação Cívica
É ISSO - CONTARAM BEM - SÃO 15
Carga horária = 36 tempos lectivos
Não é o máximo ensinar isto tudo aos filhos de toda esta gente? De todo o Portugal?
Somos demais, mesmo bons!
MAS NÃO FICAMOS POR AQUI!!!!
A Escola ainda:
Integra alunos com diferentes tipologias e graus de deficiência, apesar dos professores não terem formação para isso;
Integra alunos com Necessidades Educativas de Carácter Prolongado de toda a espécie e feitio, apesar dos professores não terem formação para isso;
Não pode esquecer os outros alunos,'atestado-médico-excluídos' que também têm enormes dificuldades de aprendizagem;
Integra alunos oriundos de outros países que, por as mais das vezes não falam um cu de Português, ou melhor, nem sequer sabem o que quer dizer cu;
Tem o dever de criar outras opções para superar dificuldades dos alunos,
como:
*     Currículos Alternativos
*     Percursos Escolares Próprios
*     Percursos Curriculares Alternativos
*     Cursos de Educação e Formação
MAS AINDA HÁ MAIS...
A escola ainda tem o dever de sensibilizar ou formar os alunos nos mais variados domínios:
*     Educação sexual
*     Prevenção rodoviária
*     Promoção da saúde, higiene, boas práticas alimentares, etc.
*     Preservação do meio ambiente
*     Prevenção da toxicodependência
*     Etc, etc...
'peço desculpa por interromper, mas... em Portugal são todos órfãos?' (possível interpolação do ministro da educação da Finlândia)
Só se encontra mesmo um único defeito: Os professores.
Uma cambada de selvagens e incompetentes, que não merecem o que ganham, trabalham poucas horas (Comparem com os alunos! Vá! Vá! Comparem!!!) Têm muitas férias, faltam muito, passam a vida a faltar ao respeito e a agredir os pobres dos alunos, coitados! Vejam bem que os professores chegam ao cúmulo de exigir aos alunos que tragam todos os dias o material para as aulas, que façam trabalhos de casa, que estejam atentos e calados na sala de aula, etc... e depois ainda ficam aborrecidos por os alunos lhes faltarem ao respeito! Olha que há cada uma!
COM FRANQUEZA!!!
Vale a pena divulgar ao maior número de pessoas (de preferência não professores) para que uma visão mais realista se comece a sedimentar.É bom que as pessoas percebam que ter filhos acarreta muita responsabilidade - não só a de os alimentar, vestir, comprar telemóveis, mp3, pc, como também, e principalmente : EDUCÁ-LOS!!!!!
 

 

publicado por Elsita às 09:54
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quarta-feira, 24 de Setembro de 2008

Pensa que já ouviu tudo?

 

Diamonds are forever right?! J No mínimo, … Interessante… K Disto nem os faraós do antigo Egipto se lembraram, hoje devem dar voltas nos sarcófagos, só por saberem que se poderiam transformar num diamante! Ehehehe – tem pinta!

 

 

Quando você pensa que já viu tudo, surgem coisas assim!

 

Sonho de consumo final: virar um 'diamante humano' depois da morte
 

COIRE, Suíça (AFP) - Por que passar o sono eterno debaixo da terra ou então espalhar as cinzas da cremação? Ao custo de alguns milhares de euros e graças a uma sofisticada transformação química, uma empresa suíça agora garante ao falecido reservar seu lugar na eternidade sob a forma de um 'diamante humano'.
 

 

Na pequena cidade de Coire, na Suíça, a empresa Algordanza recebe a cada mês entre 40 e 50 urnas funerárias procedentes de todo o mundo. Seu conteúdo será pacientemente transformado em pedra preciosa.

'Quinhentos gramas de cinzas bastam para fazer um diamante, enquanto o corpo humano deixa uma média de 2,5 a 3 kg depois da cremação', explica Rinaldo Willy, um dos co-fundadores do laboratório onde as máquinas funcionam sem interrupção 24 horas por dia.

Os restos humanos são submetidos a várias etapas de transformação. Primeiro, viram carbono, depois grafite. Expostos a temperaturas de 1.700 graus, finalmente se transformam em diamantes artificiais num prazo de quatro a seis semanas. Na natureza, o mesmo processo leva milênios.

'Cada diamante é único. A cor varia do azul escuro até quase branco. É um reflexo da personalidade', comenta Willy.

Uma vez obtido, o diamante bruto é polido e talhado na forma desejada pelos familiares do falecido para depois ser usado num anel ou num cordão.

O preço desta alma translúcida oscila entre 2.800 e 10.600 euros, segundo o peso da pedra (de 0,25 a um quilate), o que, segundo Willy, vale a pena, já que um enterro completo custa, por exemplo, 12.000 euros na Alemanha.

A indústria do 'diamante humano' está em plena expansão, com empresas instaladas na Espanha, Rússia, Ucrânia e Estados Unidos.

A mobilidade da vida moderna é propícia para o setor, explica Willy, que destaca a dificuldade de se deslocar com urna funerária ou o melindre provocado por guardar as cinzas de um falecido na própria casa.

 

 

 

 

(um risco: o viúvo pode oferecer a defunta, em forma de jóia à nova companheira… tss! Tss!)

publicado por Elsita às 15:21
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 23 de Setembro de 2008

Instituto do Cancro da Mama ----- Pedido importante ----- Este gesto fará uma enorme diferença

Repassem 10 amigos para que repassem a outros 10 amigos ainda hoje!
E assim ajudaremos a manter este site tão importante.

 

http://www.thebreastcancersite.com


 

 

O Instituto do Cancro da Mama está com uma importante campanha.
Cabe a nós atendermos sua solicitação e ampará-lo, pois se depender do Governo será o seu fim!!!
Vamos manter o site do cancro da mama? Não custa nada.
O site do cancro da mama está com problemas pois não tem o número de acessos e cliques necessários para alcançar a quota que lhes permite oferecer UMA mamografia gratuita diariamente a mulheres de baixa rendimento.
Demora menos de um segundo ir ao site e clicar na tecla cor-de-rosa que diz 'Campanha da Mamografia Digital Gratuita'.
Não custa nada e é por meio do número diário de pessoas que clicam, que os patrocinadores oferecem a mamografia em troca de publicidade.

publicado por Elsita às 16:49
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Segunda-feira, 22 de Setembro de 2008

IMPORTANTE AVISO acerca da Lei sobre AUTO-ESTRADAS

Recebido por e-mail e transcrito:

> Muita atenção a esta norma legal
>
> Como sabem, para quem anda nas auto estradas, ás vezes aparecem
> objectos estranhos na mesma, como peças largadas por outros veículos,
> objectos de cargas que caiem e até animais ... coisa que não deveria
> acontecer porque as concessionárias sao responsáveis pela manutenção
> das mesmas.
>
> Estas situações provocam acidentes e danos nos nossos veículos,
> contudo se isto vos acontecer (espero que não) exijam a presença da
> Brigada de Trânsito.
>
> Os meninos das auto estradas vão dizer que não é preciso porque eles
> tratam de tudo ... no entanto e conforme a Lei 24/2007 a qual define
> direito dos utentes nas vias rodoviárias classificadas como Auto
> Estradas Concessionadas ... (tendo em atenção o Artº 12º nº 1 e 2) que
> vos mando em anexo, vocês só poderão reclamar o pagamento dos danos à
> concessionária se houver participação das autoridades!
> É uma tecnica que as concessionárias estão a utilizar para se livrarem
> de pagar os danos causados nos veículos.
>
> Por isso se tiverem algum percalço por culpa da concessionária EXIJAM
> A PRESENÇA DA AUTORIDADE, não se deixem ir na conversa dos senhores da
> assistência os quais foram instruídos para dizer 'agora somos nós que
> tratamos disso e não é preciso a autoridade'. Isto é a mais pura
> mentira!
>
> Se não chamarem as autoridades eles não são obrigados a pagar os danos
> e este é o objectivo deles!
> Façam circular este mail pois já nos chega pagar valores absurdos
> pelas portagens quanto mais sermos enganados desta maneira!
>
> Ver o ponto 2 do artigo 12º

 Diário da República, 1.ª série — N.º 137 — 18 de Julho de 2007

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

Lei n.º 24/2007

de 18 de Julho

Define direitos dos utentes nas vias rodoviárias

classificadas como auto -estradas concessionadas,

itinerários principais e itinerários complementares

A Assembleia da República decreta, nos termos da

alínea

Artigo 1.º

c) do artigo 161.º da Constituição, o seguinte:

Objecto

A presente lei define direitos dos utentes nas vias rodoviárias

classificadas como auto -estradas concessionadas,

itinerários principais e itinerários complementares e estabelece,

nomeadamente, as condições de segurança, informação

e comodidade exigíveis, sem prejuízo de regimes mais

favoráveis aos utentes estabelecidos ou a estabelecer.

Artigo 2.º

Âmbito de aplicação

1 — O disposto na presente lei aplica -se às auto -estradas

concessionadas, itinerários principais e itinerários complementares,

nos termos do Plano Rodoviário Nacional (PRN)

vigente, dotados de perfil transversal com faixas separadas

e, no mínimo, com duas vias em cada sentido.

2 — O regime previsto na presente lei aplica -se, com as

devidas adaptações, às auto -estradas concessionadas com

portagem, sem custos directos para o utilizador.

Artigo 3.º

Definições

Para efeitos do disposto na presente lei, entende -se por:

a

PRN e conjuntos viários a elas associados, incluindo obras

de arte, praças de portagem e áreas de serviço nelas incorporados,

bem como os nós de ligação e troços das estradas

que os completarem;

) «Auto -estradas» as vias classificadas como tal no

b

tal no PRN;

) «Itinerários principais» as vias classificadas como

c

como tal no PRN;

) «Itinerários complementares» as vias classificadas

d

) «Lanço» as secções em que se divide a auto -estrada;

e

nós de ligação consecutivos;

) «Sublanço» o troço viário da auto -estrada entre dois

f

ou reparação nas vias rodoviárias;

) «Obras» os trabalhos de alargamento, beneficiação

g

obras, no mesmo sentido, num lanço de auto -estrada, por

um período de tempo superior a setenta e duas horas;

) «Troço em obras» a extensão em quilómetros de

h

transversal da auto -estrada, do itinerário principal ou do

itinerário complementar.

 

Artigo 12.º

) «Constrangimentos» quaisquer reduções do perfil...

Responsabilidade

1 — Nas auto -estradas, com ou sem obras em curso, e

em caso de acidente rodoviário, com consequências danosas

para pessoas ou bens, o ónus da prova do cumprimento

das obrigações de segurança cabe à concessionária, desde

que a respectiva causa diga respeito a:

a

faixas de rodagem;

) Objectos arremessados para a via ou existentes nas

b

) Atravessamento de animais;

c

climatéricas anormais.

2 — Para efeitos do disposto no número anterior, a

confirmação das causas do acidente é obrigatoriamente

verificada no local por autoridade policial competente,

sem prejuízo do rápido restabelecimento das condições

de circulação em segurança.

3 — São excluídos do número anterior os casos de força

maior, que directamente afectem as actividades da concessão

e não imputáveis ao concessionário, resultantes de:

) Líquidos na via, quando não resultantes de condições

a

designadamente graves inundações, ciclones ou sismos;

) Condições climatéricas manifestamente excepcionais,

b

raio;

) Cataclismo, epidemia, radiações atómicas, fogo ou

c

ou guerra.

Artigo 13.º

) Tumulto, subversão, actos de terrorismo, rebelião

Regulação

O Governo regula o disposto na presente lei no prazo

de 180 dias.

4552

Diário da República, 1.ª série — N.º 137 — 18 de Julho de 2007

Artigo 14.º

Entrada em vigor

A presente lei entra em vigor no dia seguinte ao da sua

publicação.

Aprovada em 17 de Maio de 2007.

O Presidente da Assembleia da República,

Gama.

Jaime

Promulgada em 29 de Junho de 2007.

Publique -se.

O Presidente da República, A

Referendada em 2 de Julho de 2007.

O Primeiro -Ministro,

de Sousa.

NÍBAL CAVACO SILVA.José Sócrates Carvalho Pinto

Lei n.º 25/2007

de 18 de Julho

Autoriza o Governo a adaptar o regime geral das contra -ordenações

no âmbito da transposição das Directivas n.

CE, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 21 de Abril,

2006/73/CE, da Comissão, de 10 de Agosto, 2004/109/CE, do

Parlamento Europeu e do Conselho, de 15 de Dezembro, e

2007/14/CE, da Comissão, de 8 de Março, e a estabelecer limites

ao exercício das actividades de consultoria para o investimento

em instrumentos financeiros e de comercialização de

bens ou serviços afectos ao investimento em bens corpóreos,

bem como a adaptar o regime geral das contra -ordenações às

especificidades desta última actividade.

os 2004/39/

A Assembleia da República decreta, nos termos da alínea

d

Artigo 1.º

) do artigo 161.º da Constituição, o seguinte:

Autorização legislativa

É concedida ao Governo autorização legislativa para:

a

dos Valores Mobiliários para prever o enquadramento

contra -ordenacional de novos deveres constituídos por

força da transposição para a ordem jurídica da:

) Alterar a secção I do capítulo II do título vIII do Código

i

e do Conselho, de 21 de Abril, relativa aos mercados

de instrumentos financeiros, que altera as Directivas

n.

CE, do Parlamento Europeu e do Conselho, e que revoga

a Directiva n.º 93/22/CEE, do Conselho, alterada pela

Directiva n.º 2006/31/CE, do Parlamento Europeu e do

Conselho, de 5 de Abril, no que diz respeito a certos prazos;

) Directiva n.º 2004/39/CE, do Parlamento Europeuos 85/611/CEE e 93/6/CEE, do Conselho, e 2000/12/

ii

Agosto, que aplica a Directiva n.º 2004/39/CE, do Parlamento

Europeu e do Conselho, no que diz respeito aos

requisitos em matéria de organização e às condições de

exercício da actividade das empresas de investimento e

aos conceitos definidos para efeitos da referida directiva; e

) Directiva n.º 2006/73/CE, da Comissão, de 10 de

iii

do Conselho, de 15 de Dezembro, relativa à harmonização

dos requisitos de transparência no que se refere às informações

respeitantes aos emitentes cujos valores mobiliários

estão admitidos à negociação num mercado regulamentado

e que altera a Directiva n.º 2001/34/CE;

) Directiva n.º 2004/109/CE, do Parlamento Europeu e

iv

Março, que estabelece as normas de execução de determinadas

disposições da Directiva n.º 2004/109/CE, relativa

à harmonização dos requisitos de transparência no que

se refere às informações respeitantes aos emitentes cujos

valores mobiliários estão admitidos à negociação num

mercado regulamentado;

) Directiva n.º 2007/14/CE, da Comissão, de 8 de

b

cone xão contra -ordenacional com os regimes dos instrumentos

financeiros, das formas organizadas de negociação

de instrumentos financeiros, da compensação, da

contraparte central, das sociedades de titularização de

créditos, dos contratos de seguros ligados a fundos de

investimento, dos contratos de adesão individual a fundos

de pensões abertos, do regime de publicidade relativa a

qualquer das matérias referidas nas alíneas anteriores, das

entidades gestoras de sistemas de negociação multilateral

e das entidades gestoras de câmara de compensação e de

contraparte central;

) Estabelecer, no Código dos Valores Mobiliários, a

c

no Código dos Valores Mobiliários;

) Actualizar algumas das normas sancionatórias integradas

d

consultoria para investimento em instrumentos financeiros

por empresa de investimento;

) Estabelecer limites ao exercício da actividade de

e

gestão de mercado regulamentado, de sistemas de negociação

multilateral, de câmara de compensação, de assunção

de responsabilidades de contraparte central e de gestão de

sistema de liquidação e de sistema centralizado de valores

mobiliários;

) Estabelecer limites ao exercício das actividades de

f

de bens ou serviços afectos ao investimento

em bens corpóreos;

) Estabelecer limites ao exercício da actividade de comercialização

g

gerais, de natureza substantiva e processual, que se revelem

adequadas a garantir o respeito pelas normas legais

e regulamentares que disciplinam a actividade de comercialização

de bens ou serviços afectos ao investimento em

bens corpóreos;

) Criar os ilícitos de mera ordenação social e as regras

h

no âmbito de procedimento contra -ordenacional,

permitindo, quando tal for necessário à averiguação ou

instrução do processo, a apreensão e congelamento de

quaisquer valores, independentemente do local ou instituição

em que se encontrem.

Artigo 2.º

) Alterar o elenco das prerrogativas do Banco de Portugal,

Sentido e extensão da autorização legislativa quanto à previsão

de normas sancionatórias

1 — No uso da autorização legislativa conferida pelo

artigo anterior, pode o Governo definir como contra -ordenação

muito grave, punível entre € 25 000 e € 2 500 000:

a

da informação organizado pela Comissão do Mercado

de Valores Mobiliários (CMVM);

) A falta de envio de informação para o sistema de difusão

b

qualificada em sociedade aberta;

) A omissão de comunicação ou divulgação de participação

c

gestão de uma forma organizada de negociação e a suspensão

ou o encerramento da sua actividade fora dos casos

e termos previstos em lei ou regulamento;

) A criação, a manutenção em funcionamento ou a

 

4550

publicado por Elsita às 17:14
link do post | comentar | favorito
|

A INÚTIL" escreveu a Miguel Sousa Tavares

Transcrevo o que recebi por e-mail 

 


 

'A inútil'escreveu assim a Miguel de Sousa Tavares :

sobre os Professores

É do conhecimento público que o senhor Miguel de Sousa Tavares considerou
'os professores os inúteis mais bem pagos deste país.' Espantar-me-ia uma
afirmação tão generalista e imoral, não conhecesse já outras afirmações que
não diferem muito desta, quer na forma, quer na índole. Não lhe parece que
há inúteis, que fazem coisas inúteis e escrevem coisas inúteis, que são
pagos a peso de ouro? Não lhe parece que deveria ter dirigido as suas
aberrações a gente que, neste deprimente país, tem mais do que uma sinecura
e assim enche os bolsos? Não será esse o seu caso? O que escreveu é um
atentado à cultura portuguesa, à educação e aos seus intervenientes, alunos
e professores. Alunos e professores de ontem e de hoje, porque eu já fui
aluna, logo de 'inúteis', como o senhor também terá sido. Ou pensa hoje de
forma diferente para estar de acordo com o sistema?


O senhor tem filhos? - a minha ignorância a este respeito deve-se ao facto
de não ser muito dada a ler revistas cor-de-rosa. Se os tem, e se estudam,
teve, por acaso, a frontalidade de encarar os seus professores e dizer-lhes
que 'são os inúteis mais bem pagos do país.'? Não me parece... Estudam os
seus filhos em escolas públicas ou privadas? É que a coisa muda de figura!
Há escolas privadas onde se pagam substancialmente as notas dos alunos, que
os professores 'inúteis' são obrigados a atribuir. A alarvidade que
escreveu, além de ser insultuosa, revela muita ignorância em relação à
educação e ao ensino. E, quem é ignorante, não deve julgar sem conhecimento
de causa. Sei que é escritor, porém nunca li qualquer livro seu, por isso
não emito julgamentos sobre aquilo que desconheço. Entende ou quer que a
professora explique de novo?

Sou professora de Português com imenso prazer. Oxalá nunca nenhuma das suas
obras venha a integrar os programas da disciplina, pois acredito que nenhum
dos 'inúteis' a que se referiu a leccionasse com prazer. Com prazer e
paixão tenho leccionado, ao longo dos meus vinte e sete anos de serviço, a
obra de sua mãe, Sophia de Mello Breyner Andersen, que reverencio. O senhor
é a prova inequívoca que nem sempre uma sã e bela árvore dá são e belo
fruto. Tenho dificuldade em interiorizar que tenha sido ela quem o ensinou
a escrever. A sua ilustre mãe era uma humanista convicta. Que pena não ter
interiorizado essa lição! A lição do humanismo que não julga sem provas! Já
visitou, por acaso, alguma escola pública? Já se deu ao trabalho de ler,
com atenção, o documento sobre a avaliação dos professores? Não, claro que
não. É mais cómodo fazer afirmações bombásticas, que agitem, no mau
sentido, a opinião pública, para assim se auto-publicitar.

Sei que, num jornal desportivo, escreve, de vez em quando, umas crónicas e
que defende muito bem o seu clube. Alguma vez lhe ocorreu, quando o seu
clube perde, com clubes da terceira divisão, escrever que 'os jogadores de
futebol são os inúteis mais bem pagos do país.'? Alguma vez lhe ocorreu
escrever que há dirigentes desportivos que 'são os inúteis' mais protegidos
do país? Presumo que não, e não tenho qualquer dúvida de que deve entender
mais de futebol do que de Educação. Alguma vez lhe ocorreu escrever que os
advogados 'são os inúteis mais bem pagos do país'? Ou os políticos? Não,
acredito que não, embora também não tenha dúvidas de que deve estar mais
familiarizado com essas áreas. Não tenho nada contra os jogadores de
futebol, nada contra os dirigentes desportivos, nada contra os advogados.
Porque não são eles que me impedem de exercer, com dignidade, a minha
profissão. Tenho sim contra os políticos arrogantes, prepotentes, desumanos
e inúteis, que querem fazer da educação o caixote do  (falso) sucesso para
posterior envio para a Europa e para o mundo. Tenho contra
pseudo-jornalistas, como o senhor, que são, juntamente com os políticos,
'os inúteis mais bem pagos do país', que se arvoram em salvadores da
pátria, quando o que lhes interessa é o seu próprio umbigo.

Assim sendo, sr. Miguel de Sousa Tavares, informe-se, que a informaçãozinha
é bem necessária antes de 'escrevinhar' alarvices sobre quem dá a este
país, além de grandes lições nas aulas, a alunos que são a razão de ser do
professor, lições de democracia ao país. Mas o senhor não entende! Para si,
democracia deve ser estar do lado de quem convém.

Por isso, não posso deixar de lhe transmitir uma mensagem com que termina
um texto da sua sábia mãe:            'Perdoai-lhes, Senhor
Porque eles sabem o que fazem.'


                            AnaMaria Gomes
                     Escola Secundária de Barcelos

 
 

 
 

 REENVIO OBRIGATÓRIO.


 
 


 


 

publicado por Elsita às 12:07
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Segunda-feira, 15 de Setembro de 2008

Amar é uma decisão

O sábio recebeu a visita de um homem que dizia já não amar a sua esposa, e que pensava separar-se.
O sábio ouviu...
Olhou-o nos olhos, disse apenas uma palavra, e calou-se:
- Ame-a.
- Mas eu já disse: Não sinto nada por ela!
- Ame-a! - disse novamente o sábio.
E percebendo o desconforto do homem, depois de um breve silêncio, o sábio explicou:
- Amar é uma decisão, não um sentimento; Amar é dedicação e entrega; Amar é um verbo e o fruto dessa acção é o amor; O amor é um exercício de jardinagem: arranque o que faz mal, prepare o terreno, semeie, seja paciente, regue e cuide; Esteja preparado porque haverão pragas, secas ou excesso de chuvas mas nem por isso abandone o seu jardim; Ame o seu par, ou seja, aceite-o, valorize-o, respeite-o, dê-lhe afecto e ternura, admire-o e compreenda-o. Isso é tudo. Ame!

publicado por Elsita às 15:58
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

13 alimentos bons para a saúde

Conheça as vantagens de ingerir regularmente 13 elementos essenciais à saúde

De líquidos a sólidos, de cereais a vegetais, eis 13 alimentos que permitem prevenir muitas doenças e combater as mais diversas complicações em termos de saúde. Analise-os um a um e tente inseri-los na sua dieta diária, potenciando mais aqueles cujas propriedades melhor se adequam às suas necessidades físicas.

Alho

Além da sua utilização privilegiada como tempero, o alho é utilizado desde a antiguidade para fins medicinais, integrando já no Antigo Egipto a composição de vários medicamentos. Esta planta tem importantes propriedades antimicrobianas, além de reduzir a pressão arterial e proteger o coração ao diminuir a taxa de colesterol mau e aumentar os níveis do colesterol bom. Tem um elevado valor nutricional (com vitaminas A, B2, B6 e C) e é importante na prevenção da aterosclerose, podendo ajudar na prevenção de tumores malignos.

Alho pode evitar hipertensão

 

 

 

 

Amêndoa

É um facto que os frutos secos são muito calóricos e nem sempre são associados à alimentação saudável, mas a verdade é que são os alimentos vegetais com uma maior quantidade de antioxidantes, responsáveis por combater o envelhecimento celular e prevenir as mais diversas doenças coronárias e cancerígenas. As amêndoas têm muita fibra, ferro, riboflavina, magnésio, cálcio e vitamina E. Têm efectivamente um alto teor de gordura, mas da monosaturada, que protege o coração e faz diminuir os níveis de mau colesterol.

Óleo vegetal presente na amêndoa reduz o risco de doenças cardíacas

 

 

 

 

 

 

Aveia

É um cereal de alta qualidade nutricional, que possui cálcio, ferro, proteínas, vitaminas e carboidratos. É rico em fibras solúveis, ajudando, portanto, no funcionamento dos intestinos. Uma dieta suplementada com aveia é muito importante no decréscimo do colesterol sanguíneo e na protecção contra doenças cardiovasculares, além de diminuir a absorção de glicose em diabéticos e actuar contra o cancro no intestino.

Cereais integrais como aveia podem reduzir o risco de diabetes

Veja a seguir: Azeite

 

 

 

 

 

 

Azeite

Hoje em dia, o azeite é considerado um elemento fundamental no combate às doenças cardíacas: a sua utilização em substituição da margarina ou da manteiga reduz em 40% o risco de contrair alguma doença do coração. Na verdade, desde a década de 70, que a baixa incidência de doenças cardíacas nas regiões banhadas pelo Mediterrâneo (Itália, Espanha, Sul da França, Grécia) chamou a atenção dos investigadores, que descobriram que tal se devia ao facto do azeite de oliva ser um dos principais ingredientes de sua culinária. As propriedades benéficas do azeite, principalmente virgem, são a diminuição do colesterol das artérias, protecção e fortalecimento dos aparelhos digestivo e imunológico e combate à hipertensão e alguns tipos de cancro.

Azeite: ouro líquido

Dieta mediterrânica: prefira o azeite para cozinhar

Ácido do azeite reduz cancro de mama

Azeite com acção idêntica ao ibuprofeno

Veja a seguir: Bróculos

 

 

Bróculos

Um vegetal da família das crucíferas, rico em cálcio, potássio, folatos, fibras e fitonutrientes, compostos que podem ajudar a prevenir a diabetes, doenças cardíacas e alguns tipos de cancro. Os bróculos também são ricos em vitamina C e fonte do antioxidante beta-caroteno. Têm um elevadíssimo teor de cálcio – que, dependendo da variedade e preparação, tem em média 47 miligramas por cada 100 gramas de flor e 51 miligramas em cada 100 gramas de folhas -, cerca de cinco vezes a dose existente no leite, o que o torna um bom fortificante de ossos e dentes.

Nova substância anti-cancerígena encontrada nos bróculos

Veja a seguir: Chá

 

 

 

 

 

Chá

Uma bebida estimulante preparada através da infusão de folhas, flores ou raízes em água quente. Quando bebido puro, o chá tem quase zero calorias. Os seus principais efeitos são o combate ao envelhecimento das células, o fortalecimento dos ossos, o controlo da pressão arterial e a redução do risco de cancro (principalmente do esófago e do estômago), doenças do coração, gastrite e derrame cerebral. Há uma enorme variedade de chás, sendo o chá verde um dos mais recomendados na prevenção de tumores malignos, redução de doenças do coração, prevenção de pedras nos rins e tratamento da obesidade.

Chá: já bebeu o seu hoje?

Chá reduz o risco de cancro no ovário

Chá verde atrasa progressão do cancro da próstata

Chá preto melhora circulação sanguínea

Chá ajuda sistema imunitário a combater infecções

 

 

 

Espinafre

Não confere a quem o consome a força sobre-humana que iluminava as aventuras do marinheiro zarolho Popeye, que muito popularizaram o consumo deste vegetal, mas é rico em vitamina A, cálcio, ferro, magnésio, folatos e vitaminas B6 e C. Os espinafres possuem compostos que fortalecem o sistema imunitário e ajudam a prevenir certos tipos de cancro, sendo reconhecida a sua acção benéfica no coração, nervos e crescimento de novas células.

O poder curativo dos espinafres

Veja a seguir: Iogurte

 

 

 

 

 

 

Iogurte

É um alimento originário dos Balcãs, que possui muitas propriedades curativas e tem enorme poder nutritivo. É uma fonte de nutrientes do leite, como o cálcio, o potássio e a roboflabina. O iogurte é também recomendado por muitos médicos às mulheres após a menopausa, por ser uma rica fonte de cálcio, que cria densidade óssea e ajuda a impedir a osteoporose. Também está comprovado que o iogurte reduz em cerca de 25% a possibilidade de contrair constipações, uma vez que reforçam o sistema imunitário, nomeadamente a actividade das células que atacam os vírus.

Dia do iogurte

 

 

 

 

 

 

Maçã

É sabido que o consumo regular de frutas variadas ajuda na redução de doenças cardíacas e da pressão sanguínea, além de evitar doenças oculares, como as cataratas. A maçã é um dos melhores exemplos disso: é uma boa fonte de pectina, uma fibra que reduz o colesterol e os níveis de glucose, e de vitamina C, um antioxidante fundamental que ajuda o organismo a absorver o ferro e o folato. Tem efeitos benéficos no coração, tanto pelo elevado teor de potássio como pela já referida pectina, melhorando a circulação sanguínea e prevenindo a arteriosclerose. Pode ainda ser usado como laxante. É provavelmente o fruto mais consumido em todo o mundo, uma vez que é produzido em praticamente todos os climas e estações, e possui cerca de 7.500 variedades diferentes.

Comer maçãs durante a gravidez beneficia os bebés

 

 

 

 

Sardinha

O peixe é uma importantíssima fonte de proteínas completas, ferro e outros minerais, sendo a sardinha não só um dos mais apreciados em Portugal como um dos mais saudáveis, uma vez que possui o importante ácido gordo Ómega-3. Por tudo isto, o seu consumo regular diminui o desenvolvimento de doenças do coração e aterosclerose, e influencia o controlo da pressão arterial. Nos idosos, pode reduzir o risco de desenvolvimento de Alzheimer por diminuir a inflamação no cérebro e ajudar no desenvolvimento cerebral e na regeneração das células nervosas.

Consumo de sardinha e salmão combate depressão na gravidez

O consumo de peixe gordo, como a sardinha, reduz o risco de cancro na próstata

 

 

 

 

 

Soja

É uma das leguminosas mais nutritivas e versáteis que existe, sendo uma boa fonte vegetal de proteínas, ferro e outros minerais, além de ser pobre em calorias e gorduras. Está comprovado que o consumo de soja previne algumas formas de cancro, nomeadamente o da mama, aumenta o colesterol bom no sangue (e, consequentemente, o risco de doenças cardíacas), e, devido às isoflavonas que contém, combate os sintomas da menopausa e pode evitar a osteoporose. O seu consumo é muito indicado a mulheres que não podem ou não querem fazer reposição hormonal.

Soja reduz níveis de insulina e colesterol nas diabéticas

Soja pode reduzir risco de cancro no útero

Alguns tipos de soja podem reduzir o colesterol

 

 

Tomate

Amplamente cultivado e consumido pelos povos pré-colombianos da América do Sul, o tomate é muito recomendado pelos nutricionistas devido à sua riqueza em licopeno (em média de 3,31 miligramas em cada 100 gramas), vitaminas A e B, fósforo, potássio, ácido fólico, cálcio e frutose. O licopeno, o pigmento que lhe dá a sua cor característica, é, talvez, o seu valor mais importante e distintivo, já que é muito eficaz na prevenção do cancro da próstata e no fortalecimento do sistema imunológico.

Comer tomate todos os dias combate malefícios do Sol

Molho de tomate pode prevenir cancro

 

 

 

 

Vinho

É evidente que não se pode abusar, mas se se mantiver o consumo de vinho a um nível aceitável – nunca mais de 250 mililitros por dia –, este auxilia a controlar a hipertensão, reduz o risco de problemas cardíacos e ajuda a prevenir o cancro. Na década de 90, descobriu-se que os franceses apresentavam um menor risco de morte que os norte-americanos, apesar de ambos os povos terem o mesmo nível de colesterol e, ainda pior, os franceses ingerirem muito mais gordura saturada. Após bastantes estudos, chegou-se à conclusão que era mesmo o vinho que marcava a diferença na dieta dos franceses.

Vinho pode impedir o desenvolvimento de cancro na próstata

Vinho tinto previne cancro da laringe

Consumidores de vinho mais "saudáveis, ricos e inteligentes"

 

 

publicado por Elsita às 15:51
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. O mercado de acções numa ...

. FERNANDO PESSOA: "um dia ...

. Crise do subprime (BRILHA...

. SUPER ESCOLA PORTUGUESA

. Pensa que já ouviu tudo?

. Instituto do Cancro da Ma...

. IMPORTANTE AVISO acerca d...

. A INÚTIL" escreveu a Migu...

. Amar é uma decisão

. 13 alimentos bons para a ...

.arquivos

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Janeiro 2008

. Novembro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds